Buscar

Priscilla Tejota promove capacitação para conselheiros tutelares de Goiânia

Atualizado: 6 de Jul de 2019

O curso, ministrado nos dias 26 e 27, foi uma ação em parceria com o Ministério dos Direitos Humanos

Conselheiros tutelares da cidade de Goiânia participaram nos dias 26 e 27 de junho da oficina de capacitação no Sistema de Informação sobre a Infância e a Adolescência (SIPIA), oportunizada pela vereadora Priscilla Tejota (PSD) em parceria com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH).


“O curso foi uma conquista do nosso mandato junto ao Ministério dos Direitos Humanos e acredito que irá valorizar o trabalho dos conselheiros tutelares e fortalecer as políticas de proteção à criança e adolescente”, afirmou a parlamentar ao ressaltar que Goiânia foi a primeira cidade de Goiás escolhida para reinaugurar o programa.


“Com a abordagem, inédita na nossa cidade, os conselheiros tutelares poderão atuar com um maior conhecimento sobre as situações de violação dos direitos das crianças e dos adolescentes, e sobre as medidas de proteção a serem tomadas”, completou.


Durante o evento, o conselheiro tutelar da região oeste, William Carlos, ressaltou a qualificação para beneficiar o trabalho com os jovens, interligando os conselhos tutelares e unificando as informações. “Esse curso é de suma importância para nosso trabalho, pois vai tornar mais prático o acesso aos dados sobre as denúncias recebidas, além de acelerar o encaminhamento dos relatórios para entidades como Ministério Público e Juizados”, frisou o conselheiro. “Agradeço a vereadora Priscilla Tejota por buscar, em Brasília, essa oportunidade, por batalhar pela causa das crianças e dos adolescentes”, expressou.


Com duração de 14 horas, a oficina aconteceu na Faculdade Alfredo Nascer, UNIFAN. As aulas práticas no SIPIA foram ministradas por servidores da Secretaria de Justiça e Cidadania do DF (Sejus).


SIPIA


O SIPIA (Sistema de Informação para a Infância e Adolescência) é um sistema de registro e tratamento de informação com abrangência nacional, criado para subsidiar a adoção de decisões governamentais nas políticas para crianças e adolescentes.



O sistema organiza e automatiza a rotina de trabalho dos conselhos tutelares, que podem utilizar a ferramenta para registrar os atendimentos e gerenciar os documentos emitidos durante a aplicação das medidas protetivas. Dessa forma, o sistema pode fornecer dados e informações sobre violações de direito de crianças e adolescentes, auxiliando inclusive na formulação de novas políticas públicas.



small-horizontal-white.png

CÂMARA MUNICIPAL DE GOIÂNIA - Gab. 15                                     Vereadora Priscilla Tejota                                        priscillatejota@camaragyn.gov.br                    (62) 3524-4305